07 agosto 2006

Poço Azul



Retorno à prole
Aos espaços do costume
No litoral de mar bravio
Gaivotas que falam de mim em tom de queixume.

Sonhos
Prolongados no tempo
Olhares persistentes
Na angústia da partida no Poço Azul.

Dias de contentamento
Marcados no ritmo da música do mundo.
Sons que libertaram-me o pensamento
Onde só dançavas no silêncio.

No regresso
Voltas,
Chamo por ti
Tu respondes...

AMO-TE

1 comentário:

Gustavo "Limiano" disse...

A unica razao pela qual ALGUEM te odiaria ? por querer ser exactamente igual a ti.
. Um sorriso teu pode trazer alegria a qualquer um, mesmo se esse ALGUEM nao gostar de ti.
. Todas as noites, ALGUEM pensa em ti antes de dormir.
. ?S o mundo para ALGUEM, ?s especial e unica.
. ALGUEM que TU nem sabes que existe ama-te.
. Quando pensas que o mundo te virou as costas, olha melhor... estou la eu, e sou eu o "ALGUEM"." Onde estas...?

BIG KISS