17 janeiro 2006

Um agradecimento



Descobri a cidade quando era o amor que procurava.
Apaixonei-me por Coimbra quando era a ti que chamava.
...

Tanta história para contar e nós ali, sem passado.
...

Sonhos abandonados com o desejo de subirmos monumentais obstáculos.
Quiseste o mundo, eu queria-me a mim...
Conseguimos!
...

Espero que estejas bem amigo,
Estarás comigo em cada pedaço de sushi, em cada floco de neve.
...

Obrigada, lembraste-me quem sou,
Ajudaste-me a descobrir-me,
A libertar-me.
Sou livre.

2 comentários:

sniqper disse...

Nem todos os seres alcançam a liberdade, felizes são os que conseguem e que a utilizam, voa até que a imaginação te deixe!!!

stela disse...

Bonito texto sobre a Liberdade e o Amor!
bjs