04 setembro 2006

Arrumado!



Porque hoje não é um bom dia para amar...
Acordo para tentar arrumar a minha vida
Na decisão começo no quarto
Procuro espaço para uma nova era.

Mil e um objectos de decoração
Comprados, oferecidos, todos com imensas funções.
Hoje, alinho-os apenas com uma finalidade
A despedida! É lixo o seu fim!

Assim vou arrumando definitivamente
Sempre com a certeza de não voltar a ver.

Há blocos por escrever, canetas por gastar...
Como se faltasse sempre viver um último momento,
O fim!

Adiei promessas de um dia voltar
Demasiado tempo.
Preferi partir para novas páginas, novos cadernos
E deixar para um dia regressar.

Da arrumação resultam sacos de memórias,
O resumo de uma fase da vida.
Em que o melhor é lixo,
O pior esqueci sem deixar recordações.

Acumulei demasiado por querer voltar,
Talvez para o fim!
Hoje, há mais espaço.
Estou liberta, com vontade de viver
E preencher todos os espaços vazios.

3 comentários:

sniqper disse...

Hoje renasceu de novo a Cristina, das brumas de memórias saiu cheia de força e vontade de ser o que por muito tempo esqueceu. Fico feliz minha querida amiga, força Princesa acaba com o Mundo porque ele está ai para levar contigo não para dar cabo de ti...Muitos kisses do teu amigo sniqper que vai partir para mais uma missão, mas com a promessa de voltar com news que vão arrasar, até já Linda...

Maria disse...

Todos os dias são bons para amar minha querida, talvez uns melhores que outros, uns mais intensos, outros mais tensos, mas no fundo o que será da vida sem amar e ser amada? Eu sou suspeita em falar de amor porque essa é a minha droga de eleição, e depois o meu dealer é tudo o que eu queria...por isso sou feliz, e quero lá saber do que falam ou pensam, quero é amar e ser amada. Beijitos para ti minha querida, tudo de bom para ti, porque és generosa e uma grande Mulher...até um destes dias Cristina, levo-te comigo porque muitas foram as horas de felicidade que tive a conversar contigo minha amiga. Faz o favor de seres FELIZ...Beijitos

Alma Nova disse...

Minha amiga ainda bem que reconheceste a tua hora de encetares novos voos, novas viagens.
É sempre renascermos para a vida que aí está à tua espera.
Vai e lança-te na busca da tua Felicidade e, se tiveres atenção, vais ver que a encontras...pode até ser ao virar de uma esquina, num novo olhar que se cruze com o teu. Coragem e agarra a Vida com garra!