11 setembro 2006

Setembro 11



Caminho exaustivo este até ao fim
Desconheço o que irá mudar,
O que vai acabar.

Sinto que posso ir confiante
Poderá ser minha loucura,
Poderá ser !

Mais louca seria se conseguisse adormecer
Nos destroços
Dos meus sonhos.
Mais louca seria se não acordasse
Para viver.

Seguirei a minha intuição
Irei até onde as minhas forças chegarem.

7 comentários:

Caneta Partilhada disse...

Olá Cristina,

Na verdade a vida é uma estrada desconhecida...

Apesento-te o meu novo canto:

Porque um amor não vivido se pode transformar numa Amizade baseada em alicerces bem mais fortes, regressei aos blogs, regressei aos comentários, regressei a dois em

http://canetapartilhada.blogspot.com

Se quiseres e acreditares ser possível, espreita-me.

Morria de saudades.

Jinhos

Alma Nova disse...

Por muito exaustivos que sejam os novos caminhos, levam-nos sempre a novas descobertas. Acredita nessa tua loucura, nesse teu acordar e segue em frente, até onde as forças te chegarem. E, se sentires que elas estão a faltar, descansa um pouco...e volta a caminhar, não páres nunca até alcançares tudo o que desejas.

Maria disse...

As tuas forças chegam até onde a tua vontade quiser minha querida, salta por cima dos destroços, agarra nos teus sonhos e faz deles a tua VIDA...não vale a pena adiar nem adormecer, sim VIVER...Beijitos

sniqper disse...

Nada na vida acaba, simplesmente muda, um sonho ou um pesadelo, é a nova estrada que vais percorrer, por mais dura que te pareça...ela é a tua Vida, aquela em que podes escolher e decidir o que é melhor ou pior para ti, não sonhes, não tenhas pesadelos VIVE SEM LIMITES...

stela disse...

as forças vão até onde quisermos, até onde o nosso ser aguentar... às vezes longe, outras ficam mesmo por ali... mas isso também depende muito do que sentimos e da reciprocidade que temos...
beijos

Clara disse...

E quando te faltar a força, há sempre outra sempre perto... beijo grande

Loira disse...

Deixo-te um beijinho de apoio! És linda! Mesmo!